Curiosidades sobre Bitcoins

Algumas curiosidades sobre Bitcoins deixam claras a forma explosiva como surgiu essa moeda virtual e em alguns casos o desconhecimento de algumas pessoas que tiveram acesso a ela logo em seu lançamento.

Criada há cerca de nove anos, as Bitcoins vêm apresentando uma valorização explosiva, que só em 2017 chegou a 1.000%. Isso obviamente despertou o interesse do público e alguns investidores sobre a criptomoeda.

A coroação do sucesso das Bitcoins veio em Dezembro de 2017, quando a representatividade da moeda no cenário dos negócios internacionais se tornou tamanha, que diversos países anunciaram a criação de um mercado futuro de Bitcoins e suas bolsas de valores.

Em alguns dos exemplos de nossa lista de curiosidades sobre Bitcoins revelam o tamanho deste mercado nos dias de hoje e em alguns casos, como as pessoas não faziam a menor ideia de que este negócio iria chegar ao ponto em que chegou.

10 curiosidades sobre Bitcoins que você gostará de conhecer

Abaixo listamos uma série de curiosidades sobre Bitcoins que revelam exatamente a dimensão deste que é um dos negócios online mais lucrativos do momento e também o grau de desconhecimento de algumas pessoas no início dessa febre que tomou conta de todo o mundo.

1 – Ninguém conhece até hoje o criador da Bitcoin

Isso mesmo, até hoje ninguém conhece o criador das Bitcoins. O que se sabe é que em meados de 2008, um desenvolvedor conhecido apenas como Satoshi Nakamoto publicou um estudo sobre o funcionamento de um mercado virtual e deu origem à criptomoeda mais famosa do mundo.

A real identidade de Nakamoto, no entanto, nunca foi comprovada. Em 2014, a revista Newsweek disse ter descoberto o verdadeiro criador da Bitcoin, mas informação nunca foi comprovada.

Depois disso, surgiram outros nomes e até mesmo quem se prontificasse a ser o pai da moeda. Até agora, nada foi provado.

O curioso é que, em 2015, o tal Nakamoto chegou a ser indicado ao Prêmio Nobel de Economia o que seria uma ótima oportunidade de conhecer o criados da Bitcoin.

A indicação partiu de Bhagwan Chowdhry, professor da Universidade da Califórnia, mas ele acabou não levando o prêmio.

Nas últimas semanas, começaram a circular boatos de que Elon Musk, CEO da Tesla, seria o verdadeiro Nakamoto. Em um post no blog Medium, um ex-estagiário de uma das empresas de Musk listou fatos e características do milionário que comprovariam que ele é o verdadeiro criador das moedas digitais.

Pouco tempo depois, Musk negou o rumou pelo Twitter. Para mostrar sua ligação com a criptmoeda, contou que um amigo deu a ele uma parte de Bitcoin em algum momento, mas que ele não sabe nem “onde isso foi parar.”

2 – O valor de mercado da Bitcoin é maior que o de grandes empresas

Se todos as Bitcoins existentes forem multiplicados pela cotação da moeda, o valor ultrapassaria os 170 bilhões de dólares.

Para efeitos de comparação, o valor é superior ao de companhias tradicionais como McDonald’s, que é avaliada em cerca de 137 bilhões de dólares e até mesmo da Disney, estimado em algo como 158 bilhões de dólares.

3 – As Bitcoins têm emissão limitadas

Outra das curiosidades sobre Bitcoins diz respeito a seu “estoque”. As Bitcoins são produzidas de forma descentralizada por milhares de computadores, mantidos por pessoas que “emprestam” a capacidade de suas máquinas para criar moedas e registrar todas as transações feitas.

No processo de nascimento de uma Bitcoin, chamado de “mineração”, os computadores conectados à rede competem entre si na resolução de problemas matemáticos. Quem ganha, recebe um bloco da moeda.

Há, no entanto, um limite para a criação de novas moedas. O número máximo de Bitcoins criadas, segundo as regras estabelecidas por Nakamoto, é de 21 milhões.

Como cada bloco da criptomoeda é gerado, em média, a cada 10 minutos, eles devem deixar de ser “produzidos” por volta do ano 2140.

4 – A Bitcoin já foi dividida duas vezes

Hoje, além da próprio Bitcoin, existe a Bitcoin Cash e a Bitcoin Gold. As novas versões surgiram em agosto e outubro deste ano, respectivamente, após um conflito de membros da comunidade sobre a escolha de uma atualização de um software.

Originalmente, o design da Bitcoin limita a quantidade de informação em sua rede, visando a proteção de ataques cibernéticos.

A grande questão é que essa característica limita a capacidade de processamento de transações da moeda, fazendo com que o tempo para uma operação envolvendo a Bitcoin seja muito maior que, por exemplo, uma operação com cartão de crédito.

Os membros da comunidade que a “produz” não chegaram a um consenso sobre qual seria a melhor solução para os negócios online envolvidos. Alguns passaram a defender o aumento do tal limite.

Outros defenderam que uma parte dos dados passasse a ser administrada fora da rede principal, reduzindo o congestionamento. Depois de muitas brigas, os grupos rivais resolveram seguir cada um o seu caminho, dando origem às novas moedas.

Fatos curiosos sobre Bitcoins

5 – Duas pizza já foram compradas por 10 mil Bitcoins

Não saber o que é Bitcoin não é tão grave assim, mas saber e não conseguir imaginar o seu valor futuro pode vir a se transformar em um grande problema.

Uma das curiosidades sobre Bitcoins diz respeito a primeira transação comercial realizada com a moeda virtual, lá pelos idos de maio de 2010. Naquela ocasião, um programador pagou 10 mil Bitcoins por duas pizzas. O valor pode até parecer absurdo, mas naquela época não era lá muita coisa.

Convertendo em valores da última sexta-feira, cada pizza custaria o equivalente a 52 milhões de dólares. É como se você pagasse 6,5 milhões de dólares por cada uma das oito fatias dela.

6 – Muitas Bitcoins já foram parar na lixeira

Outra da nossa lista de curiosidades sobre Bitcoins é que por não fazerem a menor ideia do tamanho e importância que esta moeda iria ter, muitas pessoas acabaram jogando no lixo seus HDS contendo pequenas fortunas em Bitcoins.

O morador do País de Gales James Howells foi um deles. Após ter derramado uma bebida sobre seu computador, Howells o desmontou e removeu o HD. “Guardei o HD em uma gaveta por três anos e esqueci completamente das Bitcoins”, disse na época. Em 2013, ele resolveu jogar fora antigos equipamentos de TI e o HD foi um dos que foi para o lixo.

“Quando eu descobri qual era o valor da Bitcoin, a ficha caiu e eu percebi que os Bitcoins que eu tinha “minerado” estavam no HD que eu joguei fora.”

Naquela época, Howells tinha 7,5 mil Bitcoins que hoje valeriam 78 milhões de dólares. Se tivesse uma carteira de Bitcoins, como as que temos hoje em dia, não passaria por este problema.

7 – Em alguns países a Bitcoin é considerada ilegal

Desde 2014, a Bitcoin e outras moedas virtuais são ilegais na Bolívia. O país foi o primeiro latino a proibir as transações com “qualquer tipo de moeda que não seja emitida e controlada por um governo o uma entidade autorizada”, como diz a resolução do Banco Central boliviano.

O Equador seguiu o mesmo caminho e baniu as criptomoedas. Já na Venezuela, as moedas e o ato de minerar não são ilegais, mas há registros de mineradores acusados de crimes de informática, lavagem de dinheiro e roubo de eletricidade.

8 – Bitcoins podem até levar você ao espaço

Na lista de curiosidades sobre Bitcoins temos também uma relacionada ao turismo. Desde 2013, a empresa de voos espaciais Virgin Galactic aceita Bitcoins como meio de pagamento.

As viagens espaciais ainda não sairam do papel, mas os gêmeos Cameron e Tyler Winklevoss — conhecidos pelo processo contra o fundador do Facebook, Mark Zuckerberg — garantiram seus lugares gastando alguns de suas Bitcoins.

9 – A palavra Bitcoin apareceu no dicionário em 2013

O dicionário de inglês Oxford adicionou, em agosto de 2013, o termo Bitcoin. Ele foi definido como “Um tipo de moeda digital em que as técnicas de criptografia são usadas para regular a geração de unidades de moeda e verificar a transferência de fundos, operado independentemente de um banco central”.

Na mesma época, foram adicionadas outras palavras relacionadas ao universo da tecnologia, como selfie e emoji.

10 – O Canadá foi o primeiro país a ter um caixa automático de Bitcoins

O primeiro caixa automático da moeda digital foi inaugurado em outubro de 2013 na cidade de Vancouver, no Canadá.

A máquina, parecida com um caixa eletrônico de bancos, foi fabricada pela empresa americana Robocoin para a troca de dólares por criptomoeda. Atualmente, há diversos caixas desse tipo no mundo, incluindo um no Brasil.

Mantenha-se informado sobre curiosidades sobre Bitcoins e outros assuntos sobre este gigantesco mercado virtual assinando a nossa Newsletter.

Curiosidades sobre Bitcoins
5 (100%) 10 votos

2 COMENTÁRIOS

  1. Vai aí outra curiosidade sobre o Bitcoin. As pessoas hoje em dia vendem todo tipo de coisa através de Bitcoin, mas uma das empresas pioneiras foi a Lamborghini, quando se tornou a primeira empresa a aceitar Bitcoin na venda de carros.

    • Olá Samuel

      Obrigado pela sua sugestão para incorporarmos à nossa lista de curiosidades sobre o Bitcoin. Na próxima revisão vamos incorporá-la.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here