Os motivos para usar o Google Analytics

Os motivos para usar o Google Analytics

Os motivos para usar o Google Analytics
Alguns motivos para você usar o Google Analytics

Quem já leu alguns dos meus tweets, já deve ter notado o quanto sou fanático por Web Analytics e do carinho que tenho pelo Google Analytics (GA).

E por ser muito frequente o questionamento de clientes e até mesmo amigos quanto aos seus principais recursos do GA, decidi citar aqui 10 bons motivos para utilizar o Google Analytics.

Você talvez ainda não concorde, mas já deve ter ouvido falar que SEO é pré-requisito para o sucesso de portais web (com raras exceções).

Pois bem, eu diria que SEO não existe sem Web Analytics, logo, mensurabilidade também é pré-requisito para o sucesso de projetos web. Ah, e vou citar apenas 10 para não ficar chato, pois daria pra citar 100+, fácil.

O Google Analytics é gratuito

Nenhum produto ou serviço tem sua qualidade assegurada por ser caro e muito menos tem sua credibilidade ameaçada por ser gratuito. Não tenho nada contra Omniture ou WebTrends (e entre os dois, eu fico com Omniture), mas defendo que o Google Analytics pode ser utilizado pela maioria dos negócios online. E se sua empresa está começando agora (ainda dá tempo, corra!) a mergulhar de vez na área de Web Analytics, por que não começar sem custos, com o GA?

Fácil Instalação

Você não perderá mais que alguns minutos nos seguintes passos: criar uma conta, informar o seu site para obter o código de acompanhamento (GATC, Google Analytics Tracking Code) e instalar o GATC em todas as páginas do seu site.

Se você usa algum CMS, como o Joomla ou o WordPress, vai ser mais fácil ainda! Enfim, salvo a exceção de possuir um portal milhares de páginas estáticas, você não terá problemas com a implementação do Google Analytics.

Gerenciamento compartilhado e prático

Em cada login do Google Analytics, você pode inserir até 25 contas e em cada conta, cerca de 50 sites (perfis). Se você ficou confuso nessa parte, me cobre um post sobre isso! Você pode fornecer ou receber acessos para visualizar dados de vários sites ou perfis de dados específicos. Assim, fica fácil inclusive fornecer dados para algum setor específico da empresa, como Comercial, Marketing, etc.

É fundamental que haja uma organização na estrutura de contas, sites e perfis que a sua empresa/agencia possui/monitora.

Interface de fácil compreensão

A clareza na disposição das informações no Google Analytics fazem com que qualquer primeiro contato com a ferramenta não seja frustrante. O GA é de tão fácil utilização, que as vezes até leva usuários a cometer o grave erro de achar que já domina a ferramenta nos primeiros encontros. Vai com calma! Existem recursos que você vai percebendo que não são tão intuitivos assim.

Dezenas de relatórios padrão

Sim! Eu digo dezenas mas se formos contar um a um, talvez chegue a 100. Os relatórios pré-definidos agilizam o acesso às informações mais gerais a respeito do seu site, desde a quantidade de visitantes únicos até dados sobre fontes de tráfego, etc. Quando explorar minuciosamente os relatórios pré-definidos, você provavelmente vai notar que precisa de algo mais. E calma, o Google Analytics tem esse algo mais. É justamente o item 6.

Relatórios Personalizados e Segmentos Avançados

Imagine poder configurar um relatório que fornece apenas as informações mais relevantes para determinado departamento… pois bem, isso é fácil com o Google Analytics através de um relatório personalizado ou Segmento Avançado.

A diferença básica entre eles é que no Relatório Personalizado, você pode inserir métricas e dimensões bem específicas para algum objetivo, enquanto um Segmento Avançado teria todos os tipos de relatórios padrão, mas aplicados às áreas e com condições especificadas nas configurações da Segmentação.

É, eu sei que isso item merece um tópico só pra ele também…

Filtros de Dados

Poder filtrar todas as visitas de determinados IPs ou excluir tráfego de determinada fonte de tráfego não relevante são alguns recursos básicos que os Filtros do Google Analytics fornece.

Os filtros avançados do Google Analytics muitas vezes são usados para incluir algo mais nos relatórios padrões do Google Analytics. Com um pouco de dedicação, pesquisa e testes, logo você estará criando seus próprios filtros também!

Campaign Tracking – Monitoramento de Campanhas

É bem fácil você monitorar o desempenho de suas campanhas em vários canais/mídias, desde e-mail marketing ao Twitter, utilizando o Google Analytics. Basta que você insira parâmetros no link que vão fazer com que o GA agrupe as visitas de acordo com cada campanha, a fim de tonar a análise mais rápida e precisa.

Se você já tem alguma experiência com o Google Analytics, não vai sentir dificuldade alguma em usar os famosos “utm”! Pra você que tá começando agora: vai com calma filho(a), uma coisa de cada vez, estudar GA mais de 10 horas por dia faz mal. Considere a opção de fazer um curso.

Metas e Funis

Estabelecer metas é fundamental para todo e qualquer projeto que você pense em levar a sério na vida e isso não deve ser novidade. Mas para muitos, sites ainda são vistos de uma forma muito tradicional, estática. Todos os sites tem que ter seus objetivos definidos. E o Google Analytics é espetacular para monitorar esses objetivos, através do seu sistema de Metas e Funis.

Você pode contabilizar a quantidade de contatos realizados com sucesso, o número de downloads daquele white paper fantástico que você fez e outros infinitos objetivos que o seu negócio venha a possuir. Com Metas bem configuradas, a sua análise de ROI de campanhas vai ficar bem mais precisa! Eu diria até que mais divertida!

Quanto aos funis, em alguns casos eles são tão importantes quanto a própria meta em si, pois você identifica nele em que passos os seus clientes não estão concluindo a conversão (meta concluída).

E-commerce Tracking

Esse talvez seja um dos recursos mais complicados de dominar, visto que a implementação do E-commerce Tracking não é tão simples quanto implementar o próprio Google Analytics. Não são muitos os sites que já utilizam esse recurso, comparando com a imensidão de sites que usam o Google Analytics. Mas eu friso bem, é um recurso fantástico!

Sem querer vender jabá, mas já vendendo, se você usa uma plataforma como o Magento, você já tem a sua vida muito facilitada na implementação do recurso E-commerce Tracking para a sua Loja Virtual. Pense bem antes de simplesmente descartar o GA de seu e-commerce! Ele pode ser mais do que suficiente para o que você precisa.

Enfim, a única conclusão que eu posso citar é: O GA vale a pena, demais. Esteja certo de que em Web Analytics, o profissional é quem realmente faz a diferença. E espero de alguma forma colaborar, especialmente com quem está começando. Mas e quanto a você? Concorda ou Discorda? Tem algum recurso que você julga extremamente fundamental e eu não citei aqui? Então deixa um comentário aí com a sua colaboração, crítica ou sugestão.

GD Star Rating
loading...

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA