Franquias baratas conquistam a classe C

A procura por franquias baratas tem impulsionado o crescimento das chamadas microfranquias em todo o Brasil. São opções de negócio dentro do modelo de franquia que exigem investimento de  até R$ 50 mil.  São cerca de 80 empresas que possuem mais de 2 mil franqueados por todo o país.

A ascensão econômica da chamada classe C está concretizando o sonho de um negócio próprio para muita gente que não tem o capital necessário para investir na abertura de uma empresa. Um levantamento da Associação Brasileira de Franchising (ABF) mostra que o faturamento do setor cresceu 25% somente no ano passado.

Franquias baratas para se montar em casa

O Grupo Zaiom é uma rede franqueadora que oferece opções de franquias baratas no estilo home-based, ou seja, que são administradas de casa e  não necessitam de um ponto comercial. Trata-se de serviços como reparo de computadores (Doutor Computador), cuidado de idosos em domincílio (Home Angels), cuidado de animais de estimação em domicílio (Dog Relax) e reforço escolar em casa (Tutores). O investimento inicial gira em torno de R$ 10 mil a R$ 40 mil.

A opção por franquias domésticas é cada vez maior entre os micro e pequenos empreendedores já que o investimento é baixo e pode ser administrada a partir de um home office. Isso facilita bastante a implantação e garante ao empreendedor uma experiência prévia que ele individualmente não teria.

As opções de franquias baratas são muitas

Outras opções de franquias baratas que têm atraído a população de menor poder aquisitivo são a rede de salões de beleza Miss Hollywood (investimento de R$ 20 mil a R$ 40 mil), Emagrecentro, clínica de emagrecimento e estética (investimento de R$ 40 mil a R$ 50 mil) e serviços pela internet, como RFH Talentos online, um serviço de busca de empregos, e Clube do Turismo, uma agência de viagens que tem cinco modalidades de atendimento, com investimento variando de R$ 25 mil a R$ 75 mil.

GD Star Rating
loading...

DEIXE UMA RESPOSTA