Veja nesta matéria quais são os principais erros que os empreendedores cometem nas redes sociais e o que fazer para evitá-los. O passo a passo para evitar as armadilhas que podem estar reservadas para sua empresa nas redes sociais.
Veja nesta matéria quais são os principais erros que os empreendedores cometem nas redes sociais e o que fazer para evitá-los. O passo a passo para evitar as armadilhas que podem estar reservadas para sua empresa nas redes sociais.

Os principais erros que os empreendedores cometem nas redes sociais

Entre os brasileiros que navegam na internet, a maioria se conecta nas redes sociais. É o que revela o estudo “The Rise of Social Networking in Latin América” (O crescimento das redes sociais na América Latina) divulgado pela comScore.

De acordo com o levantamento, os brasileiros gastaram, em junho deste ano, 12,5 bilhões de minutos em diversas redes sociais. Esse volume corresponde a 18,3% de todos os minutos gastos pelos brasileiros na internet.

Conforme é possível avaliar, as redes sociais abrangem um público extremamente interessante às empresas. Pensando nisso, muito empresários aderiram a estas ferramentas para atrair mais público, tornar sua marca conhecida e até mesmo aumentar as vendas.

Erros nas redes sociais

Entretanto, na ânsia de estar presente na web, as empresas acabam cometendo alguns erros. Para descobrir quais são os dez principais erros comuns, o Portal InfoMoney conversou com o professor de Redes Sociais e Inovação Digital da ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing), Gil Giardelli. Confira abaixo:

Não planejar sua presença nas redes sociais

Não é porque muitas empresas aderiram às redes sociais que necessariamente o negócio terá de ser cadastrado em uma. Segundo o especialista, as redes demandam conhecimento e planejamento prévio.

Tentar participar de várias redes simultaneamente

Quanto maior o número de redes onde a empresa estiver, mais tempo o empresário terá de se dedicar a elas. Lembre-se de que as redes sociais são vitrines do negócio, por isso, devem ser atrativas e atualizadas.

Usar as redes sociais apenas para divulgar produtos e serviços

Ter informações somente sobre a empresa, produtos e serviços torna as redes desinteressantes. “Se a empresa vender joias, além de falar do produto, conte sobre as pedras ou uma história interessante relacionada à peça”, exemplifica Giardelli.

Acreditar que o custo para estar nas redes sociais é alto

Na internet, é possível baixar ferramentas que podem contribuir para tornar o seu conteúdo mais interessante. Vale destacar que muitas são gratuitas, basta aprender a usá-las.

Deixar o trabalho a cargo de amadores

Erros que empresários cometem nas redes sociaisAs redes não devem ser cuidadas por quem não conhece sobre o assunto, por isso, nada de delegar as funções para os sobrinhos ou filhos.

Hoje, existem profissionais especializados no assunto. Caso a empresa não possa pagar por este tipo de serviço, o empresário deve se aprofundar no tema por meio do estudo.

Esquecer que as redes sociais são compostas por pessoas

Quem está atrás dos computadores são pessoas. Por isso, gentileza e educação sempre caem bem. Redes sociais exigem um relacionamento de cordialidade e bom relacionamento. Se a empresa não compreende isso, melhor nem começar.

Ignorar opiniões contrárias

“As pessoas opinam sobre o que elas gostam. Caso contrário, elas não perderiam o seu tempo”, explica Giardelli. Não discuta assuntos polêmicos, assim como religião e futebol;

Levar as críticas para o lado pessoal

Críticas podem ajudar a melhorar o negócio. O empresário deve lembrar que a crítica não é contra ele, mas é sobre um produto ou um serviço oferecido pela empresa;

Falta de transparência

A transparência é palavra de ordem no mercado. Por isso, use o espaço das redes sociais para informar sobre a produção, crescimento e até mesmo faturamento. Isso garante mais confiabilidade do consumidor em relação à empresa;

Criar fakes para elogiar a empresa

Lembre-se de que o número de identificação IP aparece frequentemente em comentários de blog e sites, por exemplo. Ou seja, de nada adianta assinar diferentes nomes, criar usuários falsos e apenas falar bem da sua marca quando todos os outros internautas são capazes de facilmente derrubar essa máscara.

Isso não apenas destruirá a reputação on-line da empresa, como também poderá destruir as outras ações que, porventura, a empresa queira iniciar na rede. O melhor é ser objetivo e sincero, apresentando-se como representante da empresa e se mostrando sempre aberto a sugestões e críticas.

Fique atento a sua estratégia de abordagem nas redes sociais e evite esses erros mais comuns que os empresários cometem nas redes sociais.

Sabendo quais são os principais erros que os empreendedores cometem nas redes sociais é possível evitá-los e usar de forma adequada esse poderoso canal de comunicação. Mantenha-se atualizado assinando a nossa Newsletter.

Salvar

Salvar

GD Star Rating
loading...
Erros que os empreendedores cometem nas redes sociais, 10.0 out of 10 based on 4 ratings

4 COMENTÁRIOS

  1. Parabéns pelo post.
    Realmente, vemos sites de vendas que mais parecem aqueles armazéns do século passado, empoeirados e cheios de teias de aranhas penduradas . A exposição virtual de vitrines de produtos é como se você estivesse em uma loja física. Tem sempre um profissional tirando a poeira dos produtos, do vidro marcado de digitais engorduradas, expondo as novidades, dando cara nova à vitrine. Por isso uns vendem muito outros nem tanto. Sabem encantar os clientes.

  2. Muito bom este post, as pessoas tem que entender que andar com a verdade é poupar tempo na sua vida. Deus deu 24 horas por dia para todos, é o tempo que ninguém pode mudar porque perder ele com mentiras que só vai atrapalhar sua vida.

  3. Excelente este comentário sobre empresas e redes sociais. Realmente, a transparência é o que deixa a melhor impressão sobre uma determinada empresa nas redes sociais e não custa nada ser gentil com os clientes. Também já vi alguns usuários usarem os mesmos argumentos, com clientes falsos ou não, que fica muito repetitivo de ler e desanima adquirir o produto ou serviço da empresa.

DEIXE UMA RESPOSTA